Expediente Fale Conosco Nossas Igrejas Departamentos Quem Somos APS On-line Menu Principal Quem Somos APS On-line Departamentos Nossas Igrejas Fale Conosco Expediente

Terça-Feira,
20 de Fevereiro de 2018




Trabalhe Conosco
Bacharelado X Cursos Tecnológicos: Como escolher?

São Paulo, 04 de março de 2008

EDUCAÇÃO 
Wagner Marcelo Sanchez*
 
O leque foi aberto. Com base no parecer CNE/CES 436/2001 - homologado em 05/04/2001 - as faculdades e universidades puderam implementar o chamado Curso Superior de Tecnologia (CST). Trata-se de uma formação superior em um curto espaço de tempo e um foco bastante específico. Daí surge a grande dúvida: “Qual modalidade de ensino devo escolher: Bacharelado ou Tecnológico ?”
 
Para responder esta pergunta, devemos ter muito claramente o objetivo pretendido com a formação. Os cursos de tecnologia possibilitam uma formação específica em uma determinada subárea de uma grande área, por exemplo: Curso Superior de Tecnologia em Redes de Computadores. Redes de computadores é uma subárea de Sistemas de Informação. Assim, o formando neste curso estará apto a trabalhar somente com redes de computadores, ao passo que, se optar por um curso de Bacharelado em Sistemas de Informação (SI), que representa uma grande área do conhecimento, poderá atuar em diversas áreas dentro de SI, inclusive redes de computadores.
 
Vamos tomar outro exemplo: o Curso Superior de Tecnologia em Viticultura e Enologia que prepara o profissional para atuar nos diversos setores da indústria de vinhos. Ele planeja, gerencia, implanta e avalia todas as etapas de produção, desde a escolha das cepas de uva, plantio, colheita, processamento, fermentação, envase, armazenagem e comercialização, até a degustação e atividades de somelier. Neste caso, trata-se de uma subárea bastante específica que está dentro da grande área da alimentação.
 
Desta forma, podemos entender que aqueles vestibulandos que possuem em seu objetivo de vida uma formação rápida e, por conseqüência, um investimento menor e uma entrada no mercado de trabalho mais rápida, devem optar pelos cursos de tecnologia. Pelo tempo de formação, que gira em torno de 2 anos, os alunos conseguem vagas de estágio geralmente depois de 1 ano de curso, ao passo que num curso de Bacharelado, que deve ser finalizado em 4 ou 5 anos, o investimento é maior, ocasionado pelos custos de mensalidades e materiais didáticos, e as vagas de estágios são ocupadas normalmente depois do 2º ano de curso.
 
Discorrendo sobre o mercado de trabalho, não podemos deixar de mencionar que os Tecnólogos devem acertar na escolha de seus cursos, pois se a escolha for por um curso com baixa perspectiva de colocação no mercado de trabalho, o investimento e o tempo podem ser perdidos. O formando no Bacharelado tem um leque maior de oportunidades em função da formação mais generalista que o curso oferece.
 
Outro aspecto importante para ser analisado é em relação à questão pedagógica. De um lado temos os CST´s, com formação específica e pontual, sendo que a reciclagem deve ser uma constante para este profissional com a possibilidade da continuidade através de uma pós-graduação. De outro, o Bacharelado que proporciona uma formação mais sólida e duradoura.
 
Conclui-se, então, que se o estudante possui pouco recurso a ser empregado e necessita de uma rápida colocação no mercado de trabalho, a melhor opção é o Curso Superior de Tecnologia. Em contrapartida, se ele tem a oportunidade de gozar de patrocínio familiar e procura uma formação mais tradicional, a melhor escolha é pelo Bacharelado. Independentemente da escolha, o importante é  fazer um curso superior, pois a educação é o melhor investimento.
 
*Wagner Marcelo Sanchez - Bacharel e Mestre em Tecnologia da Informação, Especialista em Educação, atuando há doze anos como consultor na área de tecnologia e gestão. É Diretor Acadêmico da Faculdade e Colégio Módulo.


  Envie a um amigo

Site UCB Escolas Adventistas Portal Adventista Página Inicial Escolas Adventistas Portal Adventista Página Inicial