Expediente Fale Conosco Nossas Igrejas Departamentos Quem Somos APS On-line Menu Principal Quem Somos APS On-line Departamentos Nossas Igrejas Fale Conosco Expediente

Quinta-Feira,
26 de Abril de 2018




Trabalhe Conosco
Papa se diz preocupado com avanço dos evangélicos

O Papa Bento XVI afirmou no dia 9 de maio, já dentro do avião que o trouxe ao Brasil, que está muito preocupado com o avanço dos cultos evangélicos na América Latina e afirmou que a Igreja tem que oferecer um caminho para estas pessoas.

Bento XVI disse que "o avanço das seitas (evangélicas) significa que há uma sede de Deus" e que a missão da Igreja e dos católicos é "oferecer seu testemunho para que todos juntos encontrem um caminho que ofereça condições de vida mais justas para estas pessoas".

O Papa desejou que na cúpula da Conferência Geral do Episcopado Latino-Americano e do Caribe (Celam) possam ser estabelecidas "as diretrizes para oferecer esse caminho às pessoas que têm sede de Deus e de religião".

Sobre a Teologia da Libertação, à qual Bento XVI sempre se opôs desde quando era prefeito da Congregação para a Doutrina da Fé - antigo Santo Ofício -, o Papa disse que a nova realidade gera novas demandas para o trabalho da Igreja.

"A mudança da situação política na América Latina propiciou também a mudança substancial da doutrina que prega a Teologia da Libertação. A doutrina social da Igreja marca o caminho para criar as condições humanas dignas e de justiça social", afirmou. Para o Papa, o magistério da Igreja não pretendeu destruir o sentido de justiça social, mas reconduzi-lo pelo caminho justo.

Por outro lado, Bento XVI afirmou estar convencido de que no Brasil, a maior nação católica do mundo, com 155 milhões de fiéis, "é decidido, em parte, o futuro da Igreja Católica". ...

G1


  Envie a um amigo

Site UCB Escolas Adventistas Portal Adventista Página Inicial Escolas Adventistas Portal Adventista Página Inicial