Expediente Fale Conosco Nossas Igrejas Departamentos Quem Somos APS On-line Menu Principal Quem Somos APS On-line Departamentos Nossas Igrejas Fale Conosco Expediente

Sábado,
24 de Fevereiro de 2018




Trabalhe Conosco
Primeira Ação Social Integrada em Valo Velho beneficia 400 pessoas

clique aqui para ver as fotos

Valo Velho, São Paulo: No dia 18 de junho foi a vez das comunidades do Valo Velho e Jardim Guarujá serem beneficiadas pela Ação Social Integrada da Adra, realizada pela oitava vez só neste ano (Veja a lista abaixo). Na ação, 45 voluntários da igreja se envolveram, junto a outros convidados, entre advogados, um médico, enfermeiros, técnicos, cabeleireiros, massagista, manicures e outros. O evento atendeu cerca de 400 pessoas, com dez tipos de serviços, no Colégio Adventista Tiago White.

Alguém teve a prioridade dos voluntários. Era uma criança de 3 anos que não enxerga. Nos braços da mãe, a criança recebeu o primeiro atendimento do dia. Após um exame básico de visão, as profissionais se comprometeram a ajudar. A mãe da criança foi à casa de Maria Amorim (diretora da Adra local e organizadora do evento). Maria conta que sua família se emocionou ao recebê-la e que a igreja fará tudo para que a pequena consiga enxergar.

Assim como nas sete ações anteriores, serviços como exames de colesterol, de diabete, palestras sobre saúde, campanha anti-tabagismo, bazar beneficente, massagem, com poucas diferenças. O que mudou foram os rostos das pessoas beneficiadas e gratas. Exemplos como o de Anilson Costenaro, 69, atendido e satisfeito: “Fui bem atendido e a organização também estava ótima!”

Pessoas da comunidade envolvidas em questões jurídicas, receberam orientações da advogada Rose Jordão, acompanhada do filho Dimitrius, também advogado.  “Parabéns pelo evento! Estou à disposição para os próximos”, declarou ela.

Parcerias

As ações sociais têm como diferencial o trabalho em equipe, unindo igreja, rede educacional, profissionais liberais, a Adra regional (da APS) e organizações da comunidade, neste caso, o Posto de Saúde Luar do Sertão e voluntários da Abrasa (Agência Brasileira de Serviço à Saúde). O fato demonstra que a atuação e mesmo parceira da igreja com a comunidade funciona na teoria e na realidade.

A Abrasa, mandou técnicos em odontologia e oftalmologia para fazerem triagens e encaminhar os interessados para tratamento na Clínica AMO, com descontos. Quatro cabeleireiros e uma manicure da região se disponibilizaram para cortar e fazer alisamento com prancha.

A Adra organizou bazares com roupas, alimentos e calçados na quadra. Realizou também uma exposição sobre os malefícios do cigarro, com distribuição de revistas e panfletos instrutivos.

“Sinto que este trabalho com a comunidade é parte da nossa missão. Mostra para a comunidade que o Colégio Adventista Tiago White tem mais a oferecer. Valeu a pena. Outros eventos virão pela frente, realizados pelo colégio e seus amigos.”, declara o diretor, Giovane Neres.

Para Willian Marcolino, (representante da Adra na APS), “estes eventos têm uma forte quebra de barreiras da igreja com a comunidade e mais união entre os membros”. No caso da comunidade adventista de Valo Velho, os jovens e o Clube de Desbravadores tiveram uma intensa participação, desde o pré-atendimento a outras atividades de apoio, além de toda a igreja.

Exemplo

Toda garra da ação em Valo Velho encontra seu ícone no comprometimento de Maria Tereza Conceição Amorim. Com 46 anos, mãe de 4 filhos, atua há 3 anos como diretora da Adra na comunidade de Valo Velho. Dedica-se inteiramente ao trabalho, produzindo artesanatos, organizando bazares, almoços, campanhas beneficentes, entre outras atividades.

Maria conta que já sonhava com uma ação comunitária em seu bairro. “Sempre pensamos em fazer este mutirão, pelas necessidades da comunidade. E, numa reunião da Adra com o William, decidimos realizar o projeto. Hoje eu não consigo nem ficar em pé. Foram quinze dias de muita luta, realizando reuniões... Não foi fácil.”

Para ela, não é importante apenas atender as pessoas, mas atendê-las bem. No dia seguinte ao evento, Maria conta que a ação recebeu muitos elogios da comunidade: “Hoje encontrei vários velhinhos felizes, que diziam para mim. ‘Nunca a gente foi tão bem tratado!’ No posto de saúde as pessoas tratam bem, mas a gente sabia que tínhamos que tratá-los bem."

Mais

Esta foi a primeira Ação Social da comunidade adventista no Valo Velho, mas já se pensa numa outra. “Já pensamos no próximo. Minha filha Joice (que é a diretora de Jovens da igreja) me perguntou: ‘Mãe, quando a gente vai ter outro?’ E várias pessoas me encontraram na rua querendo saber quando seria a próxima”, conta Maria.

Mais ações comunitárias estão programadas: no domingo, 25 de junho, em Taboão da Serra, no Cemur, principal centro de atividades culturais da cidade. Em Pedreira, no Jardim Lilah, Jardim Domitila, outras ações vão acontecer. O plano, segundo Wilian Marcolino, é realizar uma ação por dia durante a semana da Caravana da Esperança, entre 5 a 12 de agosto, entre domingo e quinta.

Qualquer igreja pode realizar uma ação comunitária. Basta entrar em contato com a Adra da Associação Paulista Sul (2128-1000) e conversar com Willian Marcolino, ou com os pastores Walter Prado e Ivo Suedekum, diretores da Adra.


Para ver tabela com ações sociais até aqui, clique no link abaixo:

 

http://admteste.paulistasul.org.br/administrador/downloads/arquivos/4/Ações%20Integradas%20em%202006.doc


Diogo Cavalcanti

Fotos: Wilian Marcolino

 

 

 

 


  Envie a um amigo

 Veja também
  Pensar na comunidade é vital
  Jardim Santa Margarida ganha presente no aniversário da igreja adventista
 
 
Site UCB Escolas Adventistas Portal Adventista Página Inicial Escolas Adventistas Portal Adventista Página Inicial