Expediente Fale Conosco Nossas Igrejas Departamentos Quem Somos APS On-line Menu Principal Quem Somos APS On-line Departamentos Nossas Igrejas Fale Conosco Expediente

Terça-Feira,
18 de Setembro de 2018




Trabalhe Conosco
Desbravador cumpre desafio do Campori 2005

clique aqui para ver as fotos


Vila Joaniza, São Paulo-SP: Convidar um amigo para ser sempre de Jesus. Este foi o desafio lançado no Campori de Desbravadores da Associação Paulista Sul em outubro de 2005. Inspirados no tema do acampamento, “Sempre de Jesus”, os dois mil e quinhentos acampantes ergueram as mãos e aceitaram o desafio de convidar um amigo para conhecer Jesus, estudar a Bíblia e freqüentar a igreja adventista.

Os resultados já começaram a despontar. Há três meses, o jovem Henrique Nunes de Andrade está freqüentando a Igreja Adventista do Sétimo Dia de Vila Joaniza, e também o Clube de Desbravadores Almirante Tamandaré. Seu primeiro estudo bíblico já está marcado.

Quem convidou Henrique foi o desbravador André Tomioli dos Reis, 18 anos. André conhecia um pouco da história de Henrique, pois seu pai, Marcos, já havia sido batizado, sem contudo atrair o interesse dos filhos pelo estudo da Bíblia.

“Quando o pastor Nelson lançou o desafio no campori, para convidar alguém para ser sempre de Jesus, eu decidi convidar o filho do Marcos.” Hoje Henrique está feliz com  as amizades que fez no clube e fala alegre sobre as novas experiências que está vivendo. “Estou entrando na igreja pouco a pouco. Quero estudar a Bíblia e ajudar.” Para ele, as mudanças que estão ocorrendo em sua vida são positivas. “A gente desenvolve mais a mente, me sinto mais vivo. O clube e a igreja ajudam a crescer e até a amadurecer. A gente fica mais comunicativo, perde a timidez, se sente parte de algo”, declara.

Ao ver o amigo interessado em conhecer a Cristo, e satisfeito com o crescimento pessoal e espiritual, André afirma ter descoberto o verdadeiro sentido do cristianismo. “A partir do momento que a gente sente verdadeiramente o sentido do cristianismo, não tem como guardar isso aqui dentro, sem falar pra ninguém, pois o sentido disso tudo é quando a gente faz algo que dá resultado na vida de outra pessoa. Depois que você vive isso, não fica tranqüilo se não fizer nada”, conclui.

Débora Carvalho


  Envie a um amigo

Site UCB Escolas Adventistas Portal Adventista Página Inicial Escolas Adventistas Portal Adventista Página Inicial